Ceasa distribui 4,5 mil máscaras e imuniza permissionários contra H1N1

 

Desde o início da pandemia do Covid-19 o Centro de Abastecimento do Estado (Ceasa) tem adotado medidas para conter o avanço do Covid-19. Uma das exigências é o uso obrigatório de máscara no local e, para que todos cumpram a determinação, o órgão distribuiu em duas semanas 4,5 mil itens de proteção facial. A iniciativa é fruto da parceria entre a SDE, a Secretaria do Planejamento (Seplan), a Associação de Permissionários do Ceasa (Aspec) e a Associação Beneficente Nova Esperança (Abene) – que está confeccionando as máscaras.

 

“As máscaras artesanais são distribuídas aos funcionários, carregadores, clientes e permissionários às segundas, quartas e sextas, dias de feira no Ceasa. A utilização do item é necessária e ajuda a reduzir a curva de contágio no estado”, destaca o vice-governador João Leão, secretário de Desenvolvimento Econômico.

 

 

H1N1

Outra importante ação, fruto de parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, foi a campanha de imunização contra a gripe H1N1. O Ceasa abrigou durante cinco dias, nas últimas quatro semanas, um posto móvel que aplicou um total de 620 doses no grupo prioritário das 1ª e 2ª fase da campanha, entre eles caminhoneiros, além de vacinar permissionários, funcionários e terceirizados do Centro de Abastecimento. A imunização contra o H1N1 ajuda na hora do diagnóstico da Covid-19.