Atração de investimentos no primeiro quadrimestre de 2020 cresceu 146,80% na Bahia

O primeiro quadrimestre de 2020 teve crescimento de 146,80% em novos investimentos na Bahia, em comparação ao mesmo período do ano passado. Os empreendimentos, com protocolos assinados com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), têm previsão de injetar na economia R$ 1,4 bilhão, enquanto no mesmo período de 2019, o volume atraído foi de R$ 592,3 milhões. As informações constam no Informe de Desenvolvimento Econômico, divulgado nesta terça-feira (05).

O vice-governador João Leão, secretário de Desenvolvimento Econômico, destacou a assinatura de 18 protocolos de intenções, com previsão de geração de 1 mil novos postos de trabalho nos quatro primeiros meses deste ano. “Mesmo com a pandemia do Covid-19 que ameaça a economia mundial, mantemos os esforços para atrair novos empreendimentos e consolidar os existentes aqui no estado”, afirma.

Até abril, foram injetados R$ 1,3 bilhão na economia baiana, com 8 empreendimentos implantados, que geraram 95 novos empregos. Em São Gonçalo dos Campos, a Mundial Blocos e Pisos, investiu R$ 10 milhões na sua implantação.

A Bahia tem 367 empreendimentos em processo de implantação, com aporte de R$ 36 bilhões e oferta potencial de 49,5 mil postos de trabalho. 60% dos investimentos estão previstos para entrarem em operação até 2022. Destaque, só o segmento de Energias Renováveis vai investir R$ 15,4 bilhões e gerar 4,2 mil empregos.